05 jun 2012

O estresse e o cabelo

Nós mulheres nos preocupamos tanto com o cabelo, não me mesmo? Para mim o visual pode estar maravilhoso, mas com o cabelo ruim eu me sinto uma bruxa. E muitas vezes usamos produtos caros ou fazemos hidratações malucas e não nos preocupamos com uma coisa simples: o estresse. Esse mal do século pode te fazer perder alguns fios de cabelo, entre outra coisas, como unhas fracas ou mudança na pele.

Eu não sou dermatologista então não sei exatamente o porque, mas pude sentir na pele, ou melhor, no couro cabeludo o efeito do estresse. Meu cabelo sempre caiu muito, mas como tenho bastante, nunca senti falta. Só que ano passado, meses antes de me mudar pra Suíça eu notei que ele estava caindo mais do que o normal. Minha mãe sempre dizia que era pela minha ansiedade em me mudar e tal. O chão do meu quarto era repleto de fios e precisava ser limpo todo o dia. Mas até então não notava nada de diferente na minha cabeça. Até que fiz meu retoque da escova definitiva e, como o cabelo fica mais liso, notei-o muito mais fino, e pior, com uma falha enorme nos lados da cabeça. Eu confesso que já sou meio calva (que horror), tenho pouco cabelo na entrada lateral, mas dessa vez tinha uma falha mesmo. Como meu cabelo é preto, dava pra perceber uma parte mais clara.

Depois que cheguei aqui, fiquei mais tranquila, claro. Aquele estresse de deixar a família já tinha passado e eu estava aproveitando meu namorado ao meu lado. Me sentia mais forte mentalmente, minhas unhas estavam fortes e meu cabelo mais brilhoso. Passados uns dois meses eu acordei de manha e percebi um tufo de cabelo na parta de trás da minha cabeça. Era meu cabelo crescendo novamente. Hoje, um ano após a enorme queda, minhas falhas estão cheias de cabelo de novo. E eu só percebo o quão forte foi, com a quantidade de cabelo que eu vejo crescer.

Essa foto mostra meu cabelo hoje, e todo esse pedaço que  um dia caiu. Não sei se a foto mostra bem o prejuízo, mas a parte menor é a que caiu. Sorte que meu cabelo cresce rápido!

Então fica a dica, cuide de seus cabelos, mas cuide mais ainda da sua saúde mental. E se a ansiedade por uma viagem ou um novo emprego for grande demais, tente relaxar, ouvir uma música que acalme ou um até mesmo ler livro. Ou quem gosta de métodos medicinais e naturais de relaxamento, eu indico a acupuntura. Fiz por meio ano e adorei! O importante é não deixa esse mal tomar conta de você e deixá-la fraca, ou fraco, pois o mesmo vale para os homens.

Vale lembrar que calvície pode ser também genética, oleosidade, distúrbio endócrino, dieta maluca, hormônio e outras coisas que só um médico especialista pode detectar!


Ou comente por aqui:

2 Respostas para "O estresse e o cabelo"

Victoria
05-06-2012 @ (16:06)

Nossa, belas dicas. fico mais tranquila sabendo que vc esta lidando bem com isso tudo.Beijos


Camila
16-06-2012 @ (18:54)

PQP! FAZIA TEMPOS QUE NAO ANDAVA POR AQUI…. E QUANDO EU VI ESSE POST FIQUEI DE CARA: TIRASSE MEU TEMA E ‘PROBLEMA’DA SEMANA… INCLUSIVE FUI AO MÉDICO NA QUARTA POR CAUSA DE QUEDA!!!!!!! Fui lavar o cabelo no final de semana passado e quase tirei uma peruca a parte pra vender!! AAAAAAAAAAAA Muita coincidencia!!!! Senhorrrrrr! hehehehe Irei escrever sobre tambem… Ando muito preocupada com isso… Guriiaaa! hehehe



Confira os posts recentes!

Karina Azevedo • todos os direitos reservados © 2020 • powered by WordPress • Desenvolvido por