Papo de mulher

  • Boy lixo e amor próprio

    Hoje, durante minha visita ao museu virtual de Frida Kahlo eu me peguei pensando em alguns fatos da vida dela, e percebendo similaridades. Uma mulher inteligente, corajosa, idealista e artista, cegamente apaixonada por um homem que nos tempos atuais chamamos de boy lixo. E por mais que ela tivesse muitas aventuras fora do casamento, a paixão por Diego nunca passou. Calma, não é nesse ponto que meu identifiquei. Meu divorcio é muito bem resolvido dentro de mim. Os traumas e marcas não, inclusive estou trabalhando nisso, mas o divórcio em si é super resolvido. Muitas vezes me pego pensando se eu foco no boy lixo por falta de opções, falta…

  • Princesa moderna

    Baseado nas historias que ouvimos quando criança toda mocinha quer ser salva. Ninguém conta o que acontece depois da salvação. Ok, ja sabemos bem, depois disso vem o casamento. Mas e se a historia se desenrolasse diferente, ainda poderíamos chamar de “final feliz”? Se depois de ser salva a princesa agradecesse o principe e dissesse que daqui em diante pode seguir sozinha? E se depois ela perceber que nunca precisou dessa porra de salvação, que ja nasceu livre e salva, mas nunca tinha percebido? Ou se ela falasse “Beleza principe, valeu por ter me acordado do sono profundo e me tirado daquela bruxa. Mas é que eu percebi que você não…

  • Ela só quer…

    Ela queria o conforto de alguém. Alguém que se sentisse confortável do lado dela. Ela queria alguém que pudesse impressionar. Ela queria que ele tivesse pegada forte. Eu disse forte. Ela queria sair pra jantar e dar risadas. Ela queria alguém que tirasse sua roupa lentamente e cultuasse seu corpo, em olhares e palavras. Ela queria alguém que chegasse com ela na festa cheio de orgulho. Ela queria alguém que a fizesse esquecer de tudo em poucos minutos de toque. Ela se abriu pra vida e teve tudo isso. Por que ela ainda procura?

  • A bendita traição

    Traição é um assunto bem pesado, não é mesmo? Assunto que desperta várias discussões, mas em uma coisa todos concordam: quem é traído sofre, porque traição dói. Antes que alguém se assuste eu não descobri uma traição, mas uma amiga me contou que acabou de descobrir a traição depois de anos de namoro à distância. Eu sei que quando alguém pensa em relacionamento à distância, logo pensa na bendita traição. Mas por que associar distância a traição? Existem muitas coisas que podem influenciar pra você levar um belo chifre, mas o principal é a falta de respeito. Os quilômetros que separam você do seu parceiro não têm nada a ver…

  • Como diferenciar uma cantada?

    Todas nós – mulheres- sabemos o quanto é ruim estar carente. Ok. Daí pra sair da fossa a gente vai pra balada certo? Então nós nos arrumando, nos enfeitamos e ficamos belas (adoro). E como de praxe recebemos várias cantadas. Umas engraçadas, outras chulas. Não importa. O que vale é que levanta nosso astral. Mas como diferenciar uma cantada? Por que qualquer cara pra chegar perto e puxar papo vai, no mínimo, te elogiar. Ele pode ser um cara legal. Ou vai parecer legal. O que parece legal é aquele que chega perto, vem com um papinho legal. Os clássicos são aqueles caras de fora, que não moram na cidade.…

  • TPM e outras coisas de mulher…

    [À]s vezes eu fico pensando: “como é difícil ser eu!”. Só que mais difícil que ser eu, é ser mulher. Em época de TPM eu não me aguento. Não é fácil ver o corpo mudar de um dia pro outro. O humor oscilar entre querer matar alguém ou chorar até morrer. Não to fazendo drama, a situação em si já é dramática. Sorte das mulheres que não tem crises de TPM, e sorte maior ainda dos namorados. Porque sentir todas essas tensões é viver, durante uma semana, com uma estranha. Eu trato diferente as pessoas, eu fico extremamente mau-humorada, o que não acontece nos outros 24 dias. O último dia…

  • Pimenta ou Açúcar?

    m dias desses num bate-papo online. amigo diz: cara, sinceramente nao entendo Karina diz: o que? amigo diz: eu tenho uma amiga q é muito linda tambem e tem praticamente o mesmo problema, pelo menos é o q ela diz Karina diz: ninguem quer ler o livro todo, só a introdução.. mas eu sou legal amigo diz: q ninguem quer nada com ela, q todos terminam com ela e nao é ela q termina Karina diz: sim, mas é sempre assim, vai saber amigo diz: dai eu falei q devia ser por ela ser exigente demais, sei la, talvez pela beleza dela ela procurasse algo de um nivel muito alto…

  • Amor, amor

    ofrer por amor é inevitável. A dor de quando um relacionamento acaba, ou quando perece que vai acabar nos faz sentir o mundo virar de cabeça pra baixo (tudo bem, ele vira literalmente a todo instante). Porque, convenhamos, se tudo acabou sem dor, então não era amor. Eu não sei exatamente o que é, mas vamos nomear de amor o sentimento entre namorados. No início do namoro o amor é gostoso, mas mesmo assim dói um pouco, dói pela insegurança. No meio tempo do namoro também dói, porque sempre tem uma briga e te faz ficar agoniada por uma semana ou duas horas, o que dói igual. E no fim…

  • O pecado sempre bate à porta

    té onde vai a fidelidade masculina? Será que é como uma escala que vai dos que traem até o que não traem? Aos poucos me parece que não existe grau para a infidelidade; que na verdade ela é unânime. O pecado da carne um dia vai bater à sua porta. Uns viciam, outros experimentam e alguns se arrependem. Os casos de traição vindo dos homens parecem não ter um motivo. As mulheres também traem, claro, mas na maioria das vezes têm um motivo. Os homens não. Arriscam o amor, o carinho, o cuidado – essência da vida – por uma noite, um beijo ou uns segundos de prazer. Na minha…